CBD reduz sintomas de artrite em cães, aponta estudo

freepik.es/rawpixel

Experimentar medicamentos em animais é especialmente positivo quando também traz benefícios para os bichinhos testados. Em 2019, a empresa Medterra CBD encomendou com o Dr. Matthew Halpert do Baylor College of Medicine no Texas (EUA), estudos científicos independentes para determinar a eficácia de vários de seus produtos feitos com o componente da maconha. Para o teste, foram escolhidos cachorros que sofrem de artrite.

30 patologias

Ebook: "30 patologias que podem ser tratadas com o canabidiol"

Conheça o CBD e todo seu potencial para o tratamento de 30 doenças e transtornos.

O estudo abriu caminho para o tratamento também em humanos. A evidência experimental mostra que as características biológicas da artrite canina é muito semelhante à humana, segundo Halpert.

Publicado no periódico americano PAIN, a pesquisa começou com células humanas e posteriormente em ratos, demonstrando que o tratamento reduziu a produção de células imunes e moléculas inflamatórias  ligadas à artrite.

Em seguida, a equipe liderada pelo autor do estudo, Dr. Harper, seguiu para testar num grupo de 20 cães que sofrem de artrite.  Destes, um grupo recebeu CBD, outro CBD lipossômico (encapsulado em lipossomas, forma que apresentou maiores taxas de absorção, e, consequentemente mais rapidez e eficácia nos efeitos), e um terceiro grupo, recebeu placebo. Nem os proprietários, nem os veterinários, sabiam quem tinha ficado em qual grupo.

Leia também: 30 doenças e tratamentos possíveis com Cannabis medicinal

Também foram feitos exames de sangue antes e depois de finalizado o estudo, para determinar a segurança na aplicação do CBD.

Os 20 cães foram observados durante as quatro semanas de tratamento diário com o CBD. Proprietários e veterinários monitoraram qualquer mudança nos níveis de dor, de comportamento, da caminhada dos animais.

Ao final do tratamento, a boa notícia: nove, dos dez cães com artrite tratados com CBD, apresentaram resultados benéficos, que se estenderam por duas semanas após o término do tratamento.

Os resultados do estudo ainda suportam os estudos do uso do CBD para auxiliar nas dores causadas pela artrite também em humanos. Os exames de sangue não mostraram alterações, indicando a segurança do tratamento.

Procurando por um médico prescritor de cannabis medicinal? Clique aqui temos grandes nomes da medicina canabinoide para indicar para você realizar uma consulta.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email