Cannabis & Saúde

Cannabis & Saúde 1 ano: o que vimos e contamos nesse período

A iniciativa, que nasceu para ser a fonte de informação da medicina canabinoide no Brasil, testemunhou alguns avanços importantes neste período, mas também revelou importantes acontecimentos do setor de Cannabis no país: relembre
88028872_107981067478582_8312378708522434560_o

O portal Cannabis & Saúde completa um ano de histórias nesta quarta-feira, 10 de março de 2021. A iniciativa, que nasceu para ser a fonte de informação da medicina canabinoide no Brasil, testemunhou alguns avanços importantes neste período, mas também revelou importantes acontecimentos do setor de Cannabis no país.

Foram mais de 560 textos publicados nesse período, conteúdos que nos alçaram ao primeiro lugar na audiência do segmento em dezembro. Na nossa plataforma de conexão entre médicos e pacientes, promovemos mais de 1,6 mil agendamentos de consultas.

O nascimento do portal pode ser considerado um batismo de fogo. Dez de março de 2020 foi também o dia em que entrou em vigor a Resolução 327/19 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que passou a permitir a venda de derivados da Cannabis em farmácias. Naquela mesma semana, entrevistamos o ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, defensor da descriminalização da maconha. O político criticou a repressão da ‘guerra ás drogas’ defendeu o debate e a regulamentação da planta no Brasil.

Nos meses seguintes, noticiamos importantes avanços para o acesso à Cannabis no país. Em abril a Anvisa aprovou a venda de primeiro produto à base de CBD nas drogarias, em junto a Justiça autorizou a associação de pacientes Apepi (RJ) a cultivar Cannabis.

Já em agosto, entrevistamos o deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), presidente da Comissão da Cannabis Medicinal na Câmara, para falar sobre o Projeto de Lei 399/15, que legaliza o plantio no Brasil. O parlamentar respondeu às críticas de associações ao texto, que vetou o cultivo individual.

Também ouvimos a voz do governo federal, que é opositor a qualquer forma de plantio de Cannabis em solo nacional. O C&S entrevistou a deputada Bia Kicis (PSL-DF), que defende que esses medicamentos sejam incluídos no SUS, assim não seriam mais necessário discutir o PL 399.

O portal Cannabis & Saúde também foi o veículo oficial das duas primeiras edições do Medical Cannabis Summit. Entre as personalidades que participaram dos painéis e foram entrevistadas no portal, está o químico israelense Raphael Mechoulam, o cientista que descobriu e isolou pela primeira vez o canabidiol e o tetrahidrocanabinol, nos anos 60. Também ouvimos o ex-presidente da Anvisa, Willian Dib, que durante seu mandato defendeu o plantio no país, embora tenha sido vencido pelos votos dos demais diretores.

Já em setembro, o portal Cannabis & Saúde prestou homenagens ao Dr. Elisaldo Carlini, considerado o primeiro e principal cientista a desvendar a maconha no Brasil. Conversamos com uma das filhas do médico e pesquisador, que faleceu aos 90 anos, deixando um legado de conhecimento e saudades.

Um dos últimos acontecimentos daquele 2020 seria a movimentação da ONU, que retirou a Cannabis da lista de drogas perigosas, após quase 60 anos. O portal Cannabis & Saúde ouviu advogados para entender o que a medida significa.

Já em 2021, o portal trouxe algumas informações exclusivas sobre o mercado da Cannabis no Brasil. Em fevereiro, informamos a patente de 20 anos conquistada pela farmacêutica paranaense Prati-Donaduzzi para uma ampla solução de canabidiol diluído em óleo vegetal, o que poderá criar um monopólio no Brasil, segundo especialistas. Naquele mesmo mês também informamos que a Anvisa está represando oito pedidos de autorização sanitária para derivados de Cannabis em farmácias. Também contamos a história de uma cientista que teve sua pesquisa sobre CBD no controle da dependência química boicotado pelo Ministério da Saúde.

Para o próximo ano do portal Cannabis & Saúde, nossa equipe deseja avanços mais significativos no acesso dos brasileiros a medicamentos e terapias com derivados da planta. Continuaremos atentos ao Projeto de Lei 399 e a todas as movimentações do governo, Anvisa e mercado, além de promovermos a conexão entre pacientes e médicos prescritores através da nossa plataforma de agendamentos de consultas.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email