Destaques

LIVE: Uso da Cannabis na Ortopedia com Dr. Jimmy Rocha é hoje, às 19h

O portal Cannabis & Saúde realiza na noite desta quarta-feira (29), às 19h, nosso 3º episódio da Série Opinião Médica. Essa é uma série especial que tem como objetivo debater sobre especialidades médicas, atualidades, curiosidades, ciência, pesquisa e tecnologia acerca do uso da Cannabis para fins medicinais.

Nesta edição vamos falar sobre o uso da Cannabis Medicinal na Ortopedia. O convidado é o cirurgião ortopédico Dr. Jimmy Fardim Rocha, traumatologista com especialização em cirurgia do joelho e medicina esportiva.

Ele possui experiência em atendimentos de emergência, cirurgias eletivas e tratamentos de dores crônicas, artroses, tendinites, fraturas, lesões ligamentares, fibromialgia, lombalgia e cervicalgia. É membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia. Atuou como médico voluntariado no Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos – Rio 2016.

QUERO ME INSCREVER!


Sobre a Cannabis e ortopedia


O uso de cannabis medicinal é um tópico emergente de extremo interesse na ortopedia. Além do controle da dor, a Cannabis também pode auxiliar no tratamento de várias condições ortopédicas como
traumas e doenças musculoesqueléticas.

A dor é o sintoma mais comum da maioria das doenças musculoesqueléticas que pode ser causada por lesões, traumas, por doenças nos ossos, articulações, músculos, tendões, ligamentos, bursas ou mesmo uma combinação destes quadros clínicos, como: 

  • Dores ósseas: como a osteoporose e osteomielite
  • Dores musculares: conhecidas como mialgia, como a polimialgia reumática.
  • Dores nos tendões e ligamentos: causadas por lesões ou inflamações nessas áreas, como a tendinite.
  • Dores nas bursas ou bursites: causadas por traumas, uso ou movimento excessivo, gota ou infecções.
  • Dores articulares: causadas por inflamações na articulações, como a artrite, ou a osteoartrite, também conhecida como artrose, que é uma lesão degenerativa da cartilagem articular.

Além das dores musculoesqueléticas, podemos citar outros distúrbios ósseos, articulares e musculares que provocam a dor, como:

  • fibromialgia que apesar de não ser originada nas articulações, também pode ser considerada como uma dor musculoesquelética, por causar dor nos músculos, tendões ou ligamentos.
  • dores pós cirúrgicas, ocasionadas por cirurgias ortopédicas como de quadril e joelhos.
  • lombalgias e dores coluna vertebral, incluindo os ossos da coluna vertebral (vértebras), discos, músculos e ligamentos que dão sustentação ao corpo;

Os tratamentos convencionais comumente prescritos para o controle de dores ósseas, articulares e musculares crônicas, seja por lesões, traumas, cirurgias ortopédicas ou no agravamento de doenças degenerativas, incluem opioides, que são medicamentos analgésicos de alto risco de dependência, toxicidade e também uma das maiores causas de morte nos EUA. 

Essa abordagem terapêutica com o uso de opioides tornou-se um tópico de alerta social e de grande atenção na medicina, abrindo campo para estudos de novas alternativas que sejam menos agressivas e que não interferem na qualidade de vida dos pacientes, como a Cannabis. 

Por isso, a pedido dos nossos seguidores, convidamos o médico cirurgião ortopedista e traumatologista, Dr Jimmy Fardin Rocha, para falar sobre os benefícios terapêuticos da Cannabis no tratamento de doenças, traumas e distúrbios ósseos, articulares e musculares. Será na noite desta quarta-feira (29), às 19h!

QUERO ME INSCREVER!

Redação Cannabis & Saúde

Postagens recentes

Capoeirista que fraturou a perna em acidente volta a gingar com Cannabis

No Medical Cannabis Summit, ortopedista Dr. Jimmy falou sobre Cannabis na traumatologia, controle de dor…

19 horas agora

Oncologista comenta o uso da Cannabis medicinal no tratamento do câncer

Oncologista especialista em cânceres do sistema gastrointestinal Renata D’Alpino explica como utiliza a prescrição de…

19 horas agora

“Dormimos uma noite inteira pela 1ª vez em 5 anos”, lembra Katiele Fischer

No 4º dia do Medical Cannabis Summit, a primeira mãe autorizada a importar canabidiol no…

4 dias agora

“Estou vendo o renascimento dela”, diz irmã de paciente com epilepsia

Luciana Fernandes sofre com convulsões há 36 anos. Com a Cannabis, sua família acompanha o…

4 dias agora

Deputados aprovam urgência para PL que prevê Cannabis no SUS em SP

Durante votação, Marina Helou emocionou colegas com relato do tratamento da mãe, com câncer, que…

5 dias agora

“A Cannabis pode ser uma porta de saída para o vício”, diz Peter Grinspoon

Com ampla experiência no tratamento e recuperação de usuários de drogas, incluindo a própria, o…

6 dias agora