Cresco Labs será a maior empresa de Cannabis dos EUA 

Cresco-Labs-maior-empresa-Cannabis-EUA 

A notícia agitou o mercado da Cannabis americano: a Cresco Labs, de Chicago, será a maior empresa de Cannabis dos EUA ao anunciar aquisição da rival Columbia Care, com sede em Nova York.

2 bilhões de dólares

A aquisição planejada será de 2 bilhões de dólares. Este alto valor na negociação marca a mais recente consolidação de duas rivais que afetará os negócios de Cannabis no estado de Illinois, Estados Unidos. 

Expansão e alcance nos EUA

A Cresco Labs afirmou que está preparada para se tornar a maior empresa de Cannabis do país. O acordo de sucesso fará com que a empresa expanda sua presença em outros estados americanos. Pois atualmente a Cresco atua em dez estados americanos, e somará mais oito, onde a Columbia opera. 

Empresa mais investível em Cannabis

“Esta aquisição reúne duas das principais operadoras do setor, combinando uma presença líder com excelência operacional, de marca e competitiva comprovadas”, disse o CEO da Cresco, Charles Bachtell. Já Nicholas Vita, executivo da Columbia Care, afirmou que “com a presença estratégica nacional da Columbia Care nos mercados mais atraentes e o sucesso da Cresco Labs na execução e marcas populares, criaremos a empresa mais importante – e mais investível – em Cannabis”.

Cresco-Labs-maior-empresa-Cannabis-EUA 

Conclusão da compra será em dezembro de 2022

Segundo o comunicado oficial da gigante do mercado da Cannabis, a aquisição deve ser concluída em dezembro deste ano. O feito criará a maior empresa de Cannabis em receita e a atacadista número 1 de produtos de Cannabis de marca.

Quem é Cresco Labs

Fundada em 2013 por Bachtell e um sócio, a Cresco foi uma das primeiras empresas a entrar no mercado de Cannabis medicinal altamente regulamentado do estado de Illinois. Desde então, a empresa emergiu como uma potência da Cannabis e agora é negociada na Bolsa de Valores do Canadá e no mercado de “penny stocks”, ações de empresas listadas na bolsa de valores com baixa capitalização de mercado, como a Columbia Care e outras grandes empresas de Cannabis. 

Cresco-Labs-maior-empresa-Cannabis-EUA 

Aqui neste post, a Dra. Beatriz Carlini, professora da escola de saúde pública da Universidade de Washington, revela os entraves das leis nos Estados Unidos para investigações médicas em relação ao uso da Cannabis medicinal.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email