Basquete: NBA não testará maconha em antidoping de atletas

Trata-se de um acordo da entidade com Associação Nacional dos Jogadores de basquete para as finais que acontecem na Disney
nbaaa

NBA será a primeira liga esportiva a retomar as competições nos Estados Unidos, após meses em quarentena. Serão 22 equipes disputando numa espécie de ‘bolha’ dentro do complexo da Walt Disney World, na Flórida. E neste retorno, os testes para drogas consideradas recreativas – como a maconha – serão suspensos.

A medida trata-se de um acordo da NBA com a NBPA (Associação Nacional dos Jogadores de basquete) durante as finais que acontecem em Orlando. Já testes para o coronavírus serão feitos diariamente, e os que encontram substâncias potencializadores de performance também continuam.

30 patologias

Ebook: "30 patologias que podem ser tratadas com o canabidiol"

Conheça o CBD e todo seu potencial para o tratamento de 30 doenças e transtornos.

As informações são do jornalista especializado em NBA, Shams Charania.

Em dezembro de 2019, a Liga Nacional de Baseball, que também retomará os jogos nesse ano, retirou a Cannabis da sua lista de substâncias proibidas. A justificativa é de que o uso controlado do CBD é útil na recuperação após as partidas.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on whatsapp
Share on email