Destaques

Cannabis é retratada positivamente no TikTok

É inegável: atualmente as redes sociais funcionam como um termômetro medindo quais assuntos estão em pauta e de qual maneira são retratados. E um estudo recente publicado no Drug and Alcohol Review descobriu que vídeos publicados no TikTok retratam o uso de Cannabis de forma positiva. 

 

A plataforma tem mais de 1 bilhão de usuários mensais no mundo. Portanto, seus conteúdos indicam a crescente popularização do uso da Cannabis e a diminuição de preconceitos relacionados à Cannabis.

 

O estudo foi liderado por Brienna Rutherford. A  pesquisadora da Universidade de Queensland, na Austrália, está investigando como o conteúdo de uso de substâncias nas mídias sociais pode influenciar as atitudes, comportamentos e intenções de adolescentes e jovens adultos. Além de pesquisar também sobre como as mídias sociais podem ser aproveitadas para mensagens de saúde pública.

Uso excessivo das redes e ansiedade

Ao mesmo tempo que as redes sociais como TikTok indicam as temáticas contemporâneas, seu uso excessivo traz um lado negativo: a ansiedade. Pense, quantas vezes você já checou suas redes sociais nas últimas horas? A sensação de que se está perdendo algo se você não conferir as atualizações das redes está presente na maioria das pessoas. 

Redes sociais e a relação com o mundo

Além da ansiedade, as redes sociais vêm transformando a maneira como nos relacionamos com as pessoas e com a realidade ao nosso redor. O mundo das redes passa a assumir um papel emocional sobre os indivíduos. E as repercussões de tudo isso, são preocupantes. Os likes passam a ter um valor simbólico. Como se receber likes fosse equivalente a receber afeto. E através disso muitos se sentem “aceitos” e validados”, indica a psiquiatra Andrea Toledo Medeiros.

Definitivamente a maneira como usamos as redes sociais podem impactar na nossa qualidade de vida. Na busca do equilíbrio, a Dra. Andrea apresentou aqui algumas estratégias para usar a tecnologia de maneira saudável:

  • Buscar mais contato com a natureza.
  • Permitir se desconectar um pouco para experienciar novas e reais conexões.
  • Desfrutar de uma caminhada.
  • Ler um bom livro.
  • Praticar atividade física.
  • Evitar telas 2 horas antes de dormir, para não atrapalhar a liberação de melatonina.

Se você sofre com ansiedade, é fundamental buscar ajuda de um profissional especializado no cuidado da saúde mental. Na plataforma de agendamento de consultas do portal Cannabis & Saúde, você pode entrar em contato com diversos médicos especialistas prescritores de Cannabis medicinal.

Denise Tamer

Editora e jornalista especializada em Cannabis Medicinal

Postagens recentes

Melhores momentos da live com o Dr. Vinícius Mesquita

Selecionamos aqui nesta matéria os melhores momentos da live de ontem com o Dr. Vinícius…

13 horas agora

Cannabis Comestível: que seu remédio seja seu alimento, e que seu alimento seja seu remédio

A frase foi dita pelo médico e considerado “pai da medicina” Hipócrates, mas também podemos…

15 horas agora

“Cannabis é parte medicamentosa importante no tratamento odontológico”

O cirurgião-dentista José Muniz fala sobre a aplicação da Cannabis e da luta para que…

17 horas agora

Inovação, Cannabis e pesquisa científica: conheça o lab da UFSC

Um inovador laboratório de pesquisa estuda os efeitos da Cannabis em atletas e lançou há…

19 horas agora

Estudo identifica que CBD reduz crescimento do câncer de próstata

Em estudo realizado pela Associação Americana de Pesquisa de Câncer (AACR), os cientistas sul-africanos Lesetja…

2 dias agora

ONU: pandemia de Covid-19 e regulamentações aumentaram consumo de Cannabis no mundo

Segundo o Relatório Mundial sobre Drogas do Escritório da ONU sobre Drogas e Crime de…

2 dias agora