Destaques

Como a Cannabis pode te ajudar a manter as metas para o ano novo?

A médica nutróloga Patrícia Savoi explica como a Cannabis medicinal pode te ajudar no objetivo de melhorar de qualidade de vida em 2022

Toda virada de ano é a mesma coisa. Diversos planos, metas e projetos para estabelecer uma rotina mais saudável e, assim, melhorar a qualidade de vida. No entanto, quem já fez uma dessas promessas, como parar de fumar, se dedicar melhor aos estudos ou praticar mais exercícios físicos, sabe como é difícil cumprir as metas ao longo do ano.

A boa notícia é que a Cannabis medicinal pode ajudar. Quem afirma é a nutróloga Patrícia Savoi, que participou da primeira LIVE do Portal Cannabis e Saúde do ano. Com o nome de “O uso da Cannabis para saúde e bem-estar”, a médica falou sobre as propriedades da Cannabis que podem ajudar a fazer um 2022 mais feliz e saudável. Veja o que rolou de melhor:

Cannabis para emagrecer

Uma das metas mais comuns de ano novo é perder alguns quilos que, muitas vezes, atrapalham a autoestima e saúde física das pessoas. De acordo com a médica, a Cannabis é eficiente no combate às causas que impedem as pessoas de perder peso.

“Os canabinoides atuam do nosso sistema endocanabinoide, que é responsável pela homeostase, o equilíbrio do organismo. Ele impacta na resistência à insulina, que é super importante no processo de emagrecimento. Se a sua insulina está alta, você não vai usar aquele açúcar como fonte energética. Ele vai ficar ali no seu sangue e isso vai ser acumulado como gordura. A gente sabe que o CBD tem um papel no controle dessa resistência à insulina”, explica. “A leptina e a grelina são hormônios que dão saciedade e ativam a nossa fome. O CBD vai colocar esses hormônios em equilíbrio, assim como a insulina, facilitando o processo de perda de peso. “

O benefício não para por aí, já que pode direcionar à causa de alguma compulsão alimentar. “A gente tem uma ansiedade muitas vezes relacionada à alimentação. A gente tem fome emocional. Se a gente tá triste, come. Se a gente tá feliz, a gente come. A gente sabe da importância do sistema endocanabinoide para controlar a ansiedade, regular a fome, e eu tenho certeza que é algo que pode agregar no processo de emagrecimento.”

CBD contra estresse, Burnout e depressão

Além do processo de perda de peso, a saúde mental acaba influenciando todas as demais metas para o ano. É difícil se manter firme em um plano quando se está sofrendo com depressão, por exemplo. A Cannabis tem potencial para ajudar também nesse sentido. 

“Tem um estudo brasileiro que foi feito com profissionais da Saúde pela USP mostrando o potencial do CBD, inclusive isolado, no Burnout. O CBD, uma de suas principais ações é a situação anti-inflamatória e o estresse crônico gera uma inflamação crônica e é por isso

que às vezes a gente tem obesidade. Por isso que às vezes a gente tem dores de cabeça crônicas, alterações de sono, alterações de humor, porque o cérebro também inflama. Quando a gente está em Burnout, o cérebro está inflamado e é importante a gente usar esse potencial neuroprotetor que o canabidiol oferece.”


Agende uma consulta com a nutróloga Patrícia Savoi

Em casos de estresse e depressão, o processo é semelhante. “Quando a gente usa para depressão, para ansiedade, a gente pensa muito nos canabinoides como neurotransmissores. Pensa que é uma piscininha que tá cheio de pessoas dentro, que são os neurotransmissores. Se tem muita gente ali, vai dar briga. Se tem pouca gente, não vai ter graça. Então a gente tem que pensar no equilíbrio dos neurotransmissores. A gente vai usar os canabinoides como um estabilizador de humor para trazer um equilíbrio para esses neurotransmissores.”

Cannabis e a prática de exercícios físicos

Mais uma vez é a ação anti-inflamatória da Cannabis que vai dar uma força nessa tão desafiadora promessa de ano novo. “O canabidiol tem uma ação anti-inflamatória que diminui lesões. As micro lesões pós treino. Ela acaba tendo menos dores pós treino, o que isso vai impactar numa melhor performance, porque no dia seguinte ela vai estar bem para treinar.”

Cannabis e foco

Uma criança hiperativa chora, ri, grita porque ela tem hiperatividade neuronal. Quando você usa o CBD, você faz uma regulação. Isso te ajuda a se concentrar melhor, dormir melhor. Se dorme, melhora a memória. É bem interessante o uso para a concentração, mas acaba não sendo algo instantâneo. A gente vê pessoas que usam a Ritalina para ir para uma prova. Com a Cannabis não, mas eu acredito que se você tem uma prova daqui três meses,  você pode começar a usar isso com certeza vai melhorar muito a sua concentração.”

Felipe Floresti

Editor, repórter e jornalista especializado em Cannabis Medicinal

Postagens recentes

Live imperdível sobre o que você precisa saber para ter acesso à Cannabis medicinal

Anote na agenda e inscreva-se aqui: quarta-feira, dia 25, às 19h, realizaremos a live “Acesso…

12 minutos agora

Meditação: Como realizar com auxílio de Canabidiol?

Você já tentou fazer meditação alguma vez na sua vida e não conseguiu? Ou simplesmente…

2 dias agora

“Falta boa vontade política para a pauta Cannabis avançar”, avalia Grass

Promovido pela Câmara Legislativa do Distrito Federal, o 1° Seminário sobre a Cannabis Medicinal e…

3 dias agora

Remédio para estresse: o canabidiol como alternativa no tratamento

Você está se sentindo estressado atualmente? Como você se sente ao pensar no seu trabalho…

3 dias agora

“Regulamentar as drogas é uma forma de combate à violência”

Pesquisador e professor da Fiocruz, o psiquiatra Marco Aurélio Jorge fala sobre sua experiência como…

3 dias agora

Universidade busca voluntários para estudo sobre CBD e enxaqueca

A pesquisa, inédita no Brasil, está recrutando voluntários para saber sobre o uso de medicamentos…

3 dias agora