Ansiedade

Saúde mental é o principal motivo para recorrer ao CBD, diz estudo

crédito: freepik.com/fotos/saude

Pesquisadores europeus descobriram que a maior parte das pessoas usa Cannabis para estresse, ansiedade e insônia, em baixas doses.

Pesquisas científicas sobre o sistema endocanabinóide, principalmente nos últimos anos, notícias constantes de evidências dos benefícios da Cannabis para atender diversas patologias, de epilepsia a insônia.  Mas por qual motivo as pessoas mais usam cannabis? Um grupo de pesquisadores da Dinamarca e Reino Unido focou no canabidiol para tentar responder essa pergunta.

Eles entrevistaram 387 pacientes, sendo a maioria mulheres inglesas com idade entre 25 e 54 anos, sobre os motivos que levaram elas a recorrer ao CBD, e quais os padrões de uso. 

O artigo publicado no Journal of Cannabis Research apontou a saúde mental como o principal fator que leva ao canabidiol. “O CBD é usado para uma ampla gama de sintomas de saúde física e mental e melhora da saúde geral e do bem-estar”, escreveram.

De acordo com o estudo, a maioria dos pacientes observou melhoras efetivas em seus sintomas. “Dos mais comuns, três estavam relacionados à saúde mental. Estresse percebido, ansiedade e problemas de sono constituem alguns dos maiores problemas de saúde da sociedade, mas carecemos de opções de tratamento adequadas.”

Confira a live que ocorreu com o Dr. Pietro Vanni, médico psiquiatra e especialista em Cannabis Medicinal

Os pesquisadores também descobriram que a maioria das pessoas colhe esses benefícios mesmo com doses baixas de CBD. Entretanto, sugerem a realização de mais estudos para aprofundar o conhecimento sobre os efeitos da Cannabis no sistema nervoso. 

“Pesquisas sobre os efeitos do CBD de baixa dose para estresse, ansiedade e problemas de sono tem sido escassa”, afirmaram. “Mais estudos são necessários para saber se o CBD pode ajudar de forma eficiente e segura a tratar esses sintomas”, afirmaram. 

Agende uma consulta com especialistas em estresse, ansiedade e problemas de sono

No Brasil, o número de pacientes que recorrem a Cannabis medicinal, que já vinha em constante crescimento, explodiu durante a quarentena. De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o número de pacientes cadastrados saltou de 10.862 em 2019 para 26.885 em 2020. No mesmo período, cresceu em 72% o número de médicos prescritores.

Redação Cannabis & Saúde

Postagens recentes

Britânicos lançam o primeiro teste clínico para Cannabis contra o câncer

Pesquisadores pretender acompanhar 232 pacientes com glioblastoma durante três anos para definir se a Cannabis…

2 horas agora

Dia Nacional da Saúde: 20 Benefícios da Cannabis que todos devem saber

Listamos os 20 principais tratamentos com Cannabis hoje comprovados pela ciência

3 horas agora

A Cannabis medicinal no Dia da Campanha Educativa de Combate ao Câncer

Ação realizada neste dia 4 de agosto busca conscientizar a população sobre a importância da…

1 dia agora

LIVE: eficiência do CBD no desempenho esportivo, com Rose Gracie, Dra Jessica Durand e Draculino

Médica especialista em Cannabis e empreendedora da Cannabis e artes marciais nos EUA responderão dúvidas…

2 dias agora

Entourage: pesquisa encontra pistas de como funciona o efeito comitiva

Fitocanabinoides interagem no organismo aumentando em até 14 vezes a concentração de ácido canabidiólico no…

2 dias agora

Clínica de Cannabis medicinal lança jornada esportiva para atletas

Centro de Excelência Canabinoide atenderá amadores e profissionais com equipe multidisciplinar; objetivo é oferecer a…

2 dias agora